vereadoras votam a favor da diminuição da Licença Maternidade no município

0
Compartilhar:

No dia 8 de março – próximo – comemora-se o Dia da Mulher. Neste dia, deveriam ser celebradas as conquistas sociais, políticas e econômicas das mulheres ao longo dos anos, mas, para as mulheres brumadenses o dia será de contestação. Buscando representatividade política, boa parte das mulheres da Capital do Minério elegeu as vereadoras Lia Teixeira (PDT) e Ilka Abreu (PR) que, durante a sessão do legislativo de segunda-feira (06), votaram a favor do Projeto de Lei Nº. 006/2017, que concede licença à servidora gestante por 120 (cento e vinte), ao invés de 180, e que para amamentar o próprio filho, até a idade de seis meses, a servidora lactante terá direito, durante a jornada de trabalho, a uma hora de descanso, que poderá ser parcelada em dois períodos de meia hora. Também votaram a favor do projeto os vereadores Eduardo Vasconcelos / Dudu (PSDB), Santinho (PTC), Rey de Domingão (PSB), Palito (PSD) , José Carlos de Jonas (PT) e Wanderley (Nem). Votaram contra Glaudson Dias (PDT), Elias Piau (PV), Zé Ribeiro (PT) e Lek Cabeleireiro (PV). O projeto entrará mais uma vez em pauta para segunda e última votação.

Compartilhar:

Deixe um Comentário